Howard W. Hunter foi o décimo quarto presidente de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Ultimos Dias. É lembrado para realçar a importância do trabalho do templo e de frequentar-lo regularmente.

Juventude

Howard W.Hunter nasceu em 14 de Novembro, 1907 em Boise, Idaho. Seu pai não era membro da Igreja e quando Howard quis ser batizado com oito anos de idade, seu pai proibiu-o. Ele finalmente o convenceu a deixá-lo batizar quando tinha doze anos de idade. Com quinze anos ganhou o reconhecimento Scout Eagle, era o segundo escoteiro em Boise a ganhar este prêmio. Howard W. Hunter também se superou em música, aprendendo a tocar piano, violino, marimba, tambores, saxofone, clarinete e trombeta. Depois que terminou o segundo grau com o grupo da banda musical da escola foi em um cruzeiro de navio durante uma excursão de dois meses no Oriente. Quando retornou ficou sabendo que seu pai finalmente tinha unido-se a Igreja. No dia 10 de Junho de 1931, Howard W. Hunter casou Clara Jeffs, uma mocas que ele tinha namorado. Tiveram três filhos, um deles morreu na infância. Logo depois de seu casamento, Howard achou um trabalho em Los Angeles na Flood Control District. Foi quando estava neste trabalho que se interessou em questões legais e decidiu estudar direito. Graduou-se com Honras em 1939 e começou a trabalhar no mesmo ano.

No dia de seu aniversario de 46 anos, os pais de Howard surpreenderam-no por aparecer no Templo de Los Angeles prontos para serem selados a ele.

Carreira e serviço na Igreja

Em 1940, Howard W. Hunter começou o própria prática privada de procurador e um ano mais tarde tornou-se bispo da ala, servindo neste chamado por oito anos. Dois anos mais tarde ele foi chamado para ser presidente da estaca e serviu neste chamado por nove anos. Durante esse tempo, ele ajudou na construção do templo de Los Angeles e começou o seminário diario na area.

Em 1959, Howard W. Hunter foi em Salt Lake City para assistir a uma Conferencia Geral e enquanto estava lá foi chamado para ter uma entrevista com Presidente David O. McKay. Quando estava na presença do Presidente McKay imediatamente ele disse, “O Senhor falou-me que você irá ser chamado a ser um das suas testemunhas especiais, e amanhã você será apoiado como um membro do Quorum dos Doze” (Knowles de Eleanor, O Howard W.Hunter , P.144). O Howard ficou apavorado mas aceitou o chamado e foi ordenado em 15 de Outubro de 1959.

De 1964 a 1972, Howard W. Hunter serviu como o Presidente da Sociedade Genealógica de Utah e supervisionou a inserção dos registros em computadores pela primeira vez. Em 1970 foi chamado como Historiador da Igreja. Em 1989, Howard W. Hunter foi chamado para ser o Presidente do Quorum dos Doze Apóstolos e em 30 de maio de 1994 foi apoiado como o Profeta e Presidente da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Encorajou todos os membros a tornarem-se dignos de entrar no templo. Este conselho certamente foi para solidificar e preparar para os numerosos templos que seu sucessor Gordon B. Hinckley construiria. Howard W.Hunter serviu por nove meses como Profeta até sua morte no dia 3 de Marco de 1995.

Atentado Terrorista

Enquanto se preparava para falar em um Serão do SEI realizado na Univesidade de Brigham Young, Marriot Center, em 7 de fevereiro de 1993, Hunter foi abordado, durante o discurso, por Cody Judy que correu ao púlpito e ameaçou Hunter e os presentes (entre 15.000 a 17.000 presentes) com uma bomba. Judy carregava uma mala que ele afirmava conter uma bomba e pegou o que parecia ser um dispositivo detonador. Judy exigiu que Hunter lesse um documento de três páginas, dizendo que o plano de Deus era para que Judy liderasse a igreja dalí para frente, o que Hunter recusou-se a fazer. O público espontaneamente cantou “Graças Damos, ó Deus, por um Profeta”, durante o qual os alunos da platéia e depois o pessoal da segurança agarraram Cody Judy. Depois que Judy foi preso, Hunter fez seu discurso intitulado “Uma Ancora para as almas dos homens”.

Problemas de saúde e morte

Quando Hunter tinha quatro anos de idade, ele foi acometido de poliomielite, que atacou fortemente suas costas fazendo com que ele nunca fosse capaz de dobrar-se para a frente e tocar o chão novamente.

Enquanto presidente do Quórum dos Doze, ele teve grandes problemas de saúde para o resto de sua vida, incluindo um ataque do coração, costelas quebradas depois de uma queda na conferência geral, cirurgia no coração, úlceras, hemorragias e uma insuficiência renal. Enquanto hospitalizado, foi descoberto que Hunter estava sofrendo de câncer de próstata que havia se espalhado para os ossos.

Hunter morreu aos 87 anos em Salt Lake City, Utah, após uma batalha contra o câncer de próstata. No momento de sua morte estavam com ele sua esposa, Inis, sua enfermeira, e seu secretário pessoal, Lowell Hardy. Os serviços funerários foram realizados no dia 8 de março de 1995 no Tabernáculo de Salt Lake sob a direção do Elder Gordon B. Hinckley. Hunter foi enterrado no Cemitério de Salt Lake City. Em 14 de outubro de 2007, em sua casa em Laguna Hills, Califórnia , sua esposa Inis Stanton Hunter morreu de causas naturais.

Citações do Presidente Howard W. Hunter

• “Que nos tornamos pessoas dignas de entrar no templo. Frequente o templo tão freqüentemente quanto as circunstâncias pessoais permitem. Mantenha um quadro de um templo em seu lar que suas crianças podem ver. Ensinem-os sobre os propósitos da Casa do Senhor. Planeje quando ainda é jovem de ir pra lá e fazer os convênios com o Pai celestial..” “Exceder Grande e Promessas” Preciosas, Liahona, Nov. 1994

• “Modernização transferiu a responsabilidade de educação da família a instituições públicas onde moderno princípios morais foram abandonados. O índice de crime aumentou em uma maneira alarmante. O vício da droga, desobediência a lei, aumento em doença venérea, e corrupção em todas formas parecem ser aceitados. Neste dia de modernização, liberdade de pensar e ação é patrocinada e é promovida sem consideração das responsabilidades que deve acompanhar tais liberdades se a sociedade é estabilizada. Seguramente concordaríamos que a instituição da família seriamente, se não foi irreparavelmente, estragado na nossa sociedade”. “Do Mundo ou do Reino?”Liahona , Jan. 1974

• “A esses que transgrediram ou sido ofendido, dizemos, voltem. O caminho do arrependimento, embora duro às vezes, levanta para cima e leva a um perdão” perfeito. “Exceder Grande e Promessas” Preciosas, Liahona , Nov. 1994

Murilo Vicente L. Ribeiro
Siga-me!

Murilo Vicente L. Ribeiro

Murilo Vicente Leite Ribeiro é blogueiro desde 2004. Tecnólogo na Área de Transito e Transportes, é graduando em Pedagogia e tem especialização em Direito Público e Privado. Criador do blog Murilovisck, ficou em segundo lugar no top blog Brasil 2012. Hoje tem uma parceria com o pro. Carlos Wizard Martins para direção do site OsMormons.com. Casado, tem dois filhos e trabalha na área de licitações públicas. É Presidente da Estaca Goiânia Brasil Sul.
Murilo Vicente L. Ribeiro
Siga-me!