Nós cantamos  hinos de Natal sobre eles. Nós lemos sobre eles nas Sagradas Escrituras. Nós temos um deles, triunfante nos pináculos de nossos templos. Como membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, nós sinceramente acreditamos na existência de Anjos.

Mas… como eles são, exatamente?

Talvez grande parte do mistério que envolve Anjos, vem da nossa relutância em falar sobre eles, e de acordo com o Élder Jeffrey R. Holland, isso precisa mudar. “Eu acredito que nós precisamos falar e acreditar e dar testemunho de Anjos mais do que nós fazemos às vezes”, disse ele. Foi nesse espírito que o professor da BYU Donald W. Parry escreveu sobre os Anjos: ”Agentes da Luz, Amor e Poder”. O livro do Dr. Parry se esforça para esclarecer equívocos sobre o papel e os propósitos dos Anjos através de uma exploração das escrituras sagradas, antigas e modernas.

Os seguintes trechos fornecem uma visão fascinante sobre o assunto:

Os anjos não têm asas

O Profeta Joseph Smith ensinou: “Um Anjo de Deus nunca tem asas”. Há uma quebra na noção generalizada de que os anjos têm asas originado a partir de várias fontes. Em primeiro lugar, as escrituras estabeleceu que serafins (Hebraico, ‘serafins’) têm asas (ver Isaías 6: 2). Ezequiel (Ezequiel 1: 9-11) e João (Apocalipse 4: 8) imaginou criaturas viva com asas. Estas asas provavelmente não são literais, mas sim simbólicas e relata as habilidades dos Anjos para se movimentar. Na verdade, quando o Profeta Joseph inquiriu sobre este assunto, ele recebeu a resposta de que as asas são uma “representação do poder, para se mover, para agir, etc.” (D & C 77: 4).

Em segundo lugar, os artistas contemporâneos continuam a perpetuar a ideia de que os anjos têm asas. Presidente George Q. Cannon explicou: “Os primeiros artistas, dos séculos atrás, acreditavam nessa ideia e pintavam os Anjos com asas (…) A partir desse momento até o presente foi aceito essa forma para apresentar os Anjos. Tornou-se uma tradição  em todo o mundo cristão que os Anjos devem ter asas”.  Doutrina e Convênios 130: 4-5 afirma: “Não é calculado o tempo de Deus, o tempo dos anjos, o tempo dos profetas e o tempo dos homens, de acordo com o planeta em que residem? Sim. Mas não há anjos que ministram nesta Terra são os que pertencem ou que pertenceram a ela” .

Assim, os Anjos bem conhecidos Miguel, Gabriel, João Batista, Pedro, Tiago, João, Moroni, e muitos outros são pessoas históricas que viveram na Terra. Outros Anjos que ministraram na terra pode ter feito isso antes de terem nascido na carne. Observem bem a nota do Editor: O uso do termo “terra” é muito interessante, uma vez que implica que os Anjos de outros mundos ministram esses mundos a que pertencem ou podem ainda pertencer.

Os anjos são os nossos amigos agentes no trabalho do Senhor

Quando o Anjo João Batista ordenou Joseph Smith e Oliver Cowdery, ele falou as palavras: “A vós, meus conservos” (D&C 13:1). Da mesma forma, o Anjo que instruiu João o Revelador lhe disse: ” (…) Sou teu conservo, e de teus irmãos que têm o testemunho de Jesus…” (Apocalipse 19:10) e depois disse: “Eu sou conservo teu, e de teus irmãos os profetas…” (Apocalipse 22: 9).

Os anjos são os filhos de nosso Pai Celestial. O Presidente Joseph F. Smith, ensina: “Quando mensageiros são enviados para ministrar aos habitantes desta terra, eles não são estranhos, mas a partir das fileiras dos nossos parentes, amigos e companheiros de serviço.” 

E o Élder Parley P. Pratt escreveu que os “deuses, Anjos e homens são todos de uma espécie, uma raça, uma grande família, amplamente difundido entre os sistemas planetários, como colônias, reinos, nações, etc.” Os Anjos não restringem suas aparências ou comunicações a um determinado sexo, faixa etária, tribo ou nação; em vez disso, os Anjos operam entre toda a humanidade-homens, mulheres, e crianças em acordo com a vontade divina do Senhor (ver LDS Bible Dictionary).

Alma 32:23 declara que Deus transmite a sua palavra aos homens por intermédio de anjos; sim, não só aos homens mas também às mulheres. Ora, isso não é tudo; muitas vezes as crianças recebem palavras que confundem o sábio e o instruído. A promessa de Joseph Smith para os membros da Sociedade de Socorro de que “Se você viver até os seus privilégios, os anjos não podem ser impedidos de ser seus associados”, isso pode também aplicar-se a homens e crianças.

Siga-me!

Elias Rozendo

Nasceu no dia 14 de Fevereiro de 1990, na cidade de São João Del Rei- MG. Conheceu a Igreja em Manaus e foi batizado em 2005. Fez seminário e cursa o instituto. Serviu na Missão Brasil Santa Maria, onde recebeu a inspiração para escrever o seu primeiro livro ' A VERDADE SOBRE OS MÓRMONS''.É apaixonado por comunicação.
Siga-me!

Últimos posts por Elias Rozendo (exibir todos)