No início do ano, Elder Brendan Bailey trocou seus tênis de basquete pela plaquetinha preta com o nome típico dos missionários mórmons e embarcou em um avião para Washington, D.C. Quando o antigo time da faculdade de seu pai foi à capital para visitar o presidente da república, Elder Bailey foi junto.

Em 1983, o time da Universidade Estadual da Carolina do Norte ganhou o campeonato NCAA mas não viajou para conhecer o então Presidente Ronald Reagan porque a faculdade não quis pagar os custos da viagem, de acordo com um artigo da NCAA. O único a se encontrar com o presidente naquela época foi o técnico responsável Jimmy Valvano.

Thurl Bailey, pai de Elder Bailey, jogou no time que participou daquele campeonato. Agora, com a ajuda do Senador Orrin Hatch, Thurl Bailey conseguiu que o time visitasse o presidente dos Estados Unidos após 33 anos depois da vitória.

A data da visita caiu logo depois que Elder Bailey, um missionário de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias servindo em Washington, D.C. Missão Norte, chegou ao local de sua missão. Ao confirmar a data da visita, Thurl Bailey, que também é membro da Igreja, conversou com o presidente da missão para ver se seu filho poderia acompanhá-los.

“Nós pensamos que seria uma oportunidade única, não só para ele mas também para a Igreja, ter um missionário na Casa Branca e fazê-lo se encontrar com o Presidente Barack Obama”, disse Sindi Bailey, esposa de Thurl Bailey e mãe do Elder Bailey.

O presidente da missão deu a permissão e no dia 9 de maio, o Elder Bailey foi com o time da Universidade Estadual da Carolina do Norte se encontrar com o presidente.

No dia da visita, os companheiros de missão do Elder Bailey o deixaram na Casa Branca e seu pai foi o seu companheiro naquele dia. O Senador Hatch divulgou uma foto da visita no Twitter.

O Elder Bailey foi autorizado a usar sua plaquinha de missionário durante toda a visita.

“Todo mundo na Casa Branca ficou perguntando a ele sobre a Igreja, o que ele está fazendo e que missão era, então era até engraçado para ele porque ele chegou a explicar pra todo mundo porque ele estava lá”, disse Sindi Bailey.

Antes de sair para a sua missão, Elder Bailey se graduou na American Fork High School, onde ele jogava basquete. Em outubro, o rapaz de dois metros de altura, que já tinha concluído o colegial, anunciou no Twitter que ele tinha ingressado na Marquette University.

Elder Bailey vai se juntar ao time depois de completar sua missão.

A Universidade Estadual da Carolina do Norte deu de presente ao presidente uma camiseta com o nome dele e o “No. 1” escrito nas costas. O time que havia passado pela vitória fez do encontro uma visita ainda mais especial.

Depois de jogar para a Universidade Estadual da Carolina do Norte, Thurl Bailey também jogou para o Utah Jazz e para o Minnesota Timberwolves.

Siga-me!

Eduardo Marcondes

É jornalista há 20 anos, com ênfase na atuação em Rádio e Televisão. Foi repórter, editor e apresentador, com passagens por praticamente todas as emissoras com sede na capital paulista, entre elas o Grupo Bandeirantes e o SBT. Atualmente faz trabalhos de textos em parceria com alguns empresários e escreve regularmente na internet há pouco mais de ano.
Siga-me!