“Quando eu era uma freira ensinando no convento, as crianças me chamavam de Irmã Piera. Agora que sou uma Mórmon, ainda me chamo Irmã Piera”, disse Piera Bellaviti Schorr à Deseret News em 1976. “Porém, minha vida é muito diferente.”

E, de fato, tornar-se membro da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias transformou completamente a vida da Irmã Piera. Pouco depois da Segunda Guerra Mundial, Irmã Piera se juntou a um convento, da ordem Madre Pie, tornando-se uma freira e professora de escola primária. Mais tarde, foi convidada a ir ao Vaticano em Roma, onde se tornou secretária do Papa Pio XII, do Papa João XXIII e do Papa Paulo VI.

Em seus 12 anos como secretária, ela conheceu bispos, realezas, chefes de estado e muitas outras pessoas influentes. “E então, um dia, no Vaticano, o bispo da Carolina do Norte me perguntou se eu gostaria de ir para a América. Seria uma missão para mim”, disse a irmã Piera à Deseret News. Foi nessa missão, enquanto servia como Madre Superiora de seu convento, que a Irmã Piera ouviu pela primeira vez a palavra “Mórmon”. Ela teve que olhar no dicionário, nunca tendo ouvido a palavra antes.

“Uma freira me disse que conhecia uma família Mórmon e que os Mórmons eram pessoas boas”, disse ela à Deseret News. “Esta foi a primeira coisa que eu aprendi sobre Mórmons.”

Em 1971, a irmã Piera retornou a sua cidade natal em Milão, na Itália. Estava ali, enquanto estava em um bonde para sua turma de inglês, que a irmã Piera encontrou dois jovens vestidos de terno.

“Eles iniciaram uma conversa e logo aprendi que eram dois missionários Mórmons”, disse a Irmã Piera. Os dois missionários, Scott Blaser e David Maxwell, disseram à irmã Piera sobre o Livro de Mórmon, perguntando se ela iria lê-lo. “Cerca de duas semanas depois, os elderes trouxeram o livro para o convento.”

Tendo já tido dúvidas crescentes sobre sua fé atual, a Irmã Piera começou a ler. “Cheguei a uma crença no Livro de Mórmon e no profeta”, disse a irmã Piera à Deseret News . “Eu sabia que Deus providenciou um caminho.”

Mas a escolha de deixar sua religião e seu sustento não foi fácil para a irmã Piera. “Logo percebi que se eu me juntasse a esta igreja, eu teria que desistir de tudo”, disse a Irmã Piera. Tendo feito voto de pobreza, a Irmã Piera confiou no convento para todas as suas necessidades. Era seu trabalho, sua segurança, sua família e sua vida social.

Ela percebeu, “Minha segurança está aqui, e eu estou fazendo o bem”, disse a Irmã Piera. “Eu estou servindo ao Senhor, mas este livro é verdadeiro, e esta é a verdadeira Igreja”.

Depois de perguntar ao Senhor se este era o caminho que Ele realmente queria para ela, a Irmã Piera jejuou e orou por três dias. Ela continuou: “Eu senti fortemente que esta é a verdadeira Igreja, e se eu quisesse ser feliz, eu tinha que seguir a verdade”.

Mas as coisas ainda não eram fáceis depois que a Irmã Piera aceitou essa nova fé. Depois de escrever uma carta à Madre Geral, contando seus planos para se juntar à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, a Irmã Piera foi visitada pela Madre Geral, que tentou convencê-la a receber ajuda psiquiátrica. Ela também teve que escrever uma carta ao papa, pedindo-lhe para liberá-la de seus votos.

Em 8 de junho de 1974, a Irmã Piera saiu do convento, ainda vestida de hábito, e foi batizada na Igreja.

“Nunca esquecerei o espírito que senti e a gratidão que senti com meu Pai Celestial”, disse a Irmã Piera. “Ele enviou os missionários e me deu o Livro de Mórmon, e me deu a coragem de desistir de tudo – ir contra todos, seguir a verdade e juntar-se à Igreja”.

No mês seguinte, Ir. Piera viajou para os Estados Unidos. “Eu vim sem dinheiro, mas com fé, e novamente Deus providenciou um caminho”, disse ela ao Deseret News.

Depois de trabalhar por algum tempo como governanta, a irmã Piera conheceu William H. Schorr, com quem se casou no Templo de Salt Lake em 15 de março de 1980. Mais tarde, depois que seus três filhos cresceram, a irmã Piera foi enviada para outra missão como uma missionária mórmon no Templo de Berna Suíça. Serviu como uma oficiante da ordenanças nos Templos de Jordan River e de Salt Lake antes de falecer em janeiro de 2002.

Traduzido de http://www.ldsliving.com/How-the-Secretary-to-3-Popes-Became-a-Mormon/s/82589

Murilo Vicente L. Ribeiro
Siga-me!

Murilo Vicente L. Ribeiro

Murilo Vicente Leite Ribeiro é blogueiro desde 2004. Tecnólogo na Área de Transito e Transportes, é graduando em Pedagogia e tem especialização em Direito Público e Privado. Criador do blog Murilovisck, ficou em segundo lugar no top blog Brasil 2012. Hoje tem uma parceria com o pro. Carlos Wizard Martins para direção do site OsMormons.com. Casado, tem dois filhos e trabalha na área de licitações públicas. É Presidente da Estaca Goiânia Brasil Sul.
Murilo Vicente L. Ribeiro
Siga-me!